Recent Posts

domingo, 9 de novembro de 2008

Lealdade

Palavra intrigante e com muitas definições, dependendo de que lado da briga você está. Se você é uma mulher traída, lealdade é saber pela boca do seu marido que ele está te traindo. Se você é o marido, é nunca conta pra sua mulher e vê-la sofrer.

Pra mim lealdade é escolher um lado. Você pode entender os dois, mas somente defender um. É nunca brigar por homem. É se abdicar de algumas coisas pelo outro. É acobertá-lo quando preciso, mas também é dedurá-lo quando necessário. Depende também qual é o foco da sua lealdade. Se você dá prioridade aos seus amigos ou a sua familia. Se você quer mesmo perder uma amizade por aquilo que deseja.

É saber pesar as consequencias.

Eu viro as costas pra quem for, se for pra manter minha lealdade. O problema é quando uma lealdade confronta a outra. Você tem que decidir o que é mais importante. E só ha um modo de saber: seja quem for, se te faz escolher, não merece tua lealdade.

Não adianta ser leal a quem não é leal de volta. É um sentimento recíproco, e se não for, o resultado é trágico.

As vezes lealdade é até mesmo estar do lado errado. Claro, tentando sempre fazer esse lado entender o seu erro, mas estando lá, com certeza. É acreditar no que lhe diz, mesmo se todos disserem que ele mente. É nunca tirar conclusões precipitadas. É a confiança em sua própria lealdade.

E é, por ultimo, manter-se leal, haja o que houver. É não mentir, nem enganar. É ser sincero, mesmo quando o erro é seu. Por que se essa lealdade for realmente verdadeira, você será perdoado pelo seu erro, graças a sua sinceridade. Será esquecido que um dia errou. Se for verdadeiro, não haverá rancor. Ser for verdadeiro, se for devolvida com a mesma intensidade, então você terá mais que um amigo, um verdadeiro irmão.



.

2 comentários:

Jade Cristina disse...

Concordo plenamente.

Isa Deetz disse...

Tenho uma opinião própria sobre lealdade... Já fui muito leal e não existiu reciprocidade.Hoje acho que mais vale vc ser leal a si mesmo, o resto que se dane.

Postar um comentário